Quando a Caspa Não é Apenas uma Questão Estética

O que é a Dermatite Seborreica?

A dermatite seborreica, ou simplesmente seborreia, é um problema de pele comum que se caracteriza por pele vermelha, comichão e descamação branca. 

Geralmente ocorre em áreas do corpo ricas em glândulas sebáceas, incluindo o: 

  • Couro cabeludo;
  • Face;
  • Tronco;
  • Costas.

A forma mais ligeira de dermatite seborreica é a chamada “caspa”. 

A doença pode também afetar lactentes, conhecida, neste caso, como “crosta láctea”, e tende a resolver entre os oito e os 12 meses de vida.

O que causa a seborreia?

Atualmente aceita-se que o fungo Pityrosporum ovale é o agente causador da dermatite, apesar de ainda não estar claramente estabelecido. 

Existem vários fatores que podem levar ao seu aparecimento/agravamento. A dermatite pode piorar durante o frio. Exacerbações podem também ocorrer durante períodos de stress, alterações hormonais ou durante cursos de doença. Determinadas condições neurológicas, como a doença de Parkinson, podem aumentar o risco de desenvolver dermatite seborreica. 

Quais os sintomas que acompanham a dermatite seborreica?

Lactentes/crianças – em crianças, a dermatite seborreica pode causar a conhecida crosta látea, que se caracteriza por vermelhidão e descamação gordurosa, mais frequentemente do couro cabeludo, mas também da face, canal auditivo, pescoço e área da fralda e outras pregas. Ao contrário dos adultos, este tipo de dermatite seborreica geralmente não causa prurido (comichão).

O problema geralmente resolve sem tratamento em semanas a meses; contudo o tratamento deve ser usado se necessário.

crosta lactea

Crosta láctea, envolvendo o couro cabeludo

dermatite das fraldas

Placas eritematosas húmidas, brilhantes, não-descamativas e confluentes envolvendo a virilha e nádegas, características da dermatite seborreica da área da fralda.

Adultos – Como anteriormente descrito, a dermatite seborreica geralmente afeta os locais ricos em glândulas produtoras de sebo, incluindo o couro cabeludo e face; a descamação do couro cabeludo (“caspa”) é a forma mais ligeira da dermatite seborreica. Pode também ocorrer nas orelhas, sobrancelhas, nos sulcos nasolabiais, na região do peito e entre as omoplatas. Nos homens, a área da barba também pode estar envolvida.

Os sintomas mais comuns da doença incluem eritema (pele vermelha), descamação gordurosa, manchas e comichão nos locais afetados.

dermatite seborreica

Zonas de atingimento da dermatite seborreica:
1 – Prega nasolabial; 2 – Couro Cabeludo; 3 – Ouvido; 4 – Região do Peito; 5 – Região do dorso

Como se trata?

A dermatite seborreica é facilmente controlada com a combinação de medidas conservadoras e o tratamento medicamentoso.

Tratamento da dermatite seborreica nos lactentes 

Embora a crosta láctea resolva geralmente sem tratamento, este pode ser necessário em alguns casos.

Sugestões de tratamento incluem:

  • Lavagens frequentes com champô próprio de bebés e posterior remoção suave da crosta com escova macia;
  • Aplicação de pequena quantidade de emoliente (vaselina branca, óleo vegetal, óleo mineral ou óleo de bebé) para queda da escama, seguida de massagem com uma escova macia e lavagem com champô de bebé não medicamentoso.

Se a crosta láctea persistir com estas medidas, deve recorrer ao médico assistente para o seu filho ser consultado. Nestes casos, pode recomendar a aplicação tópica de um corticóide de baixa potência ou a lavagem com champô antifúngico.

Tratamento da dermatite seborreica do adulto (couro cabeludo)

Nestes casos, a doença é uma condição crónica, sendo necessário tratamento de manutenção a longo prazo.

Tratamento da caspa – Pode ser tratada com champô anticaspa. Vários tipos de champô estão disponíveis, sendo a principal diferença o princípio ativo. Todos estes tratamentos são igualmente eficazes após quatro semanas de tratamento.

  • Sulfureto de selénio (Selenix ®)
  • Alcatrão (KPL ®, Polytar ®, Tarmed ®)
  • Piritionato de zinco (Head and Shoulders, Z.P. Dermil ®)
  • Cetoconazol (Nizoral 1% ®, Tedol ®, Cetoconazol genérico)

Para melhores resultados, o champô deve atuar durante 5 a 10 minutos antes de enxaguar. Numa fase inicial deve ser usado diariamente até aos sintomas melhorarem. Estes champôs podem ser usados pelo tempo que for necessário.

Após resolução das queixas, estes champôs devem ser usados três vezes por semana. Se um destes champôs não resolver os sintomas após quatro a seis semanas, um champô diferente deve ser tentado.

Se os sintomas não resolverem com estas medidas, deverá recorrer ao seu médico assistente para avaliação da necessidade de corticoide tópico ou agentes antifúngicos para tratar a comichão e a inflamação.

Ter caspa não significa que o couro cabeludo é muito seco…é importante lavar o cabelo com mais frequência!

Dermatite seborreica do adulto (outras regiões do corpo)

A dermatite seborreica da face, tronco e pregas geralmente é tratado com corticoide tópico ou agentes antifúngicos.

Os corticoides de baixa potência tópicos podem ser tentados inicialmente, aplicados uma ou duas vezes por dias até melhoria dos sintomas. Se os sintomas não melhorarem após duas semanas de tratamento, deverá consultar um médico.

Existe cura para a seborreia?

Se a dermatite seborreica é secundária a um problema médico, esta poderá desaparecer com o controlo da doença de base. Contudo, para a maioria das pessoas a seborreia é um problema crónico, que pode ser controlado com um tratamento conservador e farmacológico adequados.

Se precisar de ajuda no controlo destes problemas, fale connosco.

– Dra. Albina Oliveira   Especialista de Medicina Geral e Familiar –   

PARTILHAR

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email